quarta-feira, janeiro 10, 2007

A tesão do mijo

Obaaaaaaaa
Tenho andado ausente, mea culpa, mea culpa. A verdade é que é por falta de tempo e de assunto. Não sei bem que tema irei tratar hoje , mas garanto que qualquer coisa se há-de arranjar. Após ter consultado o sócio decidi abordar o intrigante tema "A tesão do mijo".
Pois a tesão do mijo é um tema bastante abrangente. Eu, sendo gaja, pros amigos e senhora dona gaja pros meros conhecidos, nunca me deparei com tal facto dentro do meu pijama ao acordar. Por outro lado já pude constatar e comprovar a existência da mesma, tendo, das primeiras vezes pensado... uhmmm amor, outra vez? Contente por me ver? Mas não!!!! Afinal o gajo queria era ir mudar a água às azeitonas.
BEM, verdade seja dita... na velhice, e em falta de outro tipo de tesão, ou resquícios que sejam, a tesão do mijo pode ajudar a animar os ânimos, não??? Tipo... ressuscitou, milagre, aleluia, aleluia.
Outra coisa típica de gajos são os sonos molhados.
Eu nunca na vida tive um sonho molhado a não ser quando o meu filho veio dormir comigo e fez xixi na cama. Por comparação, deduzo que uma pessoa estar a dormir e acordar todo chavascada e húmida não deve ser das melhores coisas... Bom, eu disse que nunca tive sonhos molhados não disse que nunca tive sonhos húmidos... Até nisto de líquidos os gajos têm a mania das grandezas... não basta ser humidozito, não, tem de ser em jacto...
E depois, neste caso, nenhuma desculpa é boa, reparem:
Ela - Oh homem com essa idade e a fazer xixi na cama? fogooooo (expressão de nojo a acompanhar a interrogação)
Ele- Não, querida, sonhei com a mulher do padeiro!!!
De imediato, leva com o candeeiro ou o que estiver mais perto, pode ser a escova de dentes enfiada no sim senhor, o secador do cabelo ligado à corrente e metido na banheira enquanto o referido cavalheiro se refresca, ou um entalão da mão na gaveta das meias... Tudo serve...
Enfim, vidas... (isto soa-me a déjà ouvu... que é uma adaptação de déjà vu).

19 comentários:

Anónimo disse...

lol
lady

Anónimo disse...

Pois sim senhor, connosco é mesmo assim, ou se faz e ficam provas do que se fez ou então não se faz.Bem se por um lado isso é bom por outro...., ok, ok, abancemos.
Aquilo que vos desejo é que tenham muitos sonhos humidos ou mesmo molhados.
Um beijo grande à sócia e um abraço ao sócio e a todos os participantes.
Rabo de Palha

Zita disse...

Aahahahahhahahahahhahahahhahahh!!! Está realmente aki um assunto muito curioso! Não obstante o facto da maior parte dos homens ao acordar estarem assim nesse estado, e o principal motivo ser “A tesão do mijo” muitos deles aproveitam ainda antes de irem escorrer a aguita as azeitonas, para satisfazer essas necessidades de “molhar” mais alguma coisita se não “molharam” durante a noite e independentemente de terem alguem ao lado ou não lol.Em relação as quantidades de líquidos expelidos por cada um...Isso aí... Ai...Ai...Cala-te Zita!!! lolol

Anónimo disse...

como andam as mulheres deste mundo!!!!!!!!
k tristeza!!!!!!!
k carências!!!!!!!
k faltas de sexo!!!!!!!!
k falta de bom senso!!!!!!!!

Treta de Vida disse...

Eu só sei do meu caso, isso de sonhos molhados depende da pessoa sonhada, outro dia sonhei que a Manuela Ferreira leite voltava a ser ministra das finanças e lá por isso não me fez ficar molhado...
O acordar com o dito todo acordadito bem isso é da competência do bicharoco, é que eu tou a dormir e sei lá porque ele acorda assim todo alvoraçado!!!
Bem mas como eu dizia... só sei do meu caso...

Sócio

Anónimo disse...

ai blog,,,,,,,blog

quem te viu e quem te vê

Anónimo disse...

isto está tudo sem nexo ,ou eu sou muito burro,não sei se é o blog da treta ou a treta dum blog.

Treta de Vida disse...

Anónimo...bem a resposta a essa questão ...é óbvia ..és mesmo tu ke es muito burro!
(ass: sócia)
ahahahaahhaah

Sonhando disse...

Gargalhada!!!
Eu até fiquei sem letrinhas no pc, só de imaginar tal coisa em certos homens, que bem desejam ter a "tesão do mijo" pela manhã. Imagino quantos não leram este post, e pensam "Como eu queria!!!!!"
Para vocês, beijos Amigos

Anónimo disse...

é por estes teus assuntos que em nada dignificam as nossas profissões que tens no jardim aquele tipo de mensagens,pelo que dizes,pelo que escreves e pela forma como tratas os temas que te banalizas como professora:

Treta de Vida disse...

Ora bem ...Em resposta ao anónimo que acha que é o dono da moral digo que :
a)antes de ser professora , sou pessoa;
como pessoa , tenho liberdade e direito de rir do que me apetecer como pessoa desde que isso não prejudique o meu trabalho. Nem toda a gente tem de passar a vida com cara de quem carrega uma cruz , como a nossa ministra.
Se o que o incomoda ..ou a incomoda , porque apesar de tantos moralismos não tem coragem para se identificar..é o sentido de humor e você é daquelas pessoas que mesmo com os amigos trata de tudo como se fosse um assunto sério com o qual não se pode brincar...se o que o incomoda é a falta de falsos pudores, pois meu caro ... é a vida...nem toda a gente tem capacidade de digerir o bom humor dos outros...O QUE É uma pena ...nao se leve tanto a sério..

Anónimo disse...

Ai a ministra é uma cruz? trabalhem como a maioria dos portugueses ou nao querem fazer nenhum?
È muito bom ganhar dinheiro em horários zero,a mania de ser classe preveligiada terminou querida.
Só espero que rápido as escolas tenham gestores para sentirmos que os nossos filhos tem os melhores profissionais de educação.

Anónimo disse...

Olá anónimo, está bom?Eu sou a anónima, quer anonimar comigo? Tenho a certeza que iria ficar bem mais feliz... Aproveite a pouca tusa que tem e brinque ria, vai ver que não doi e... olhe, sorria sempre... essa cara feio que você tem só lhe trás rugas!

Ganda blog, gostei e voltarei :-)

Treta de Vida disse...

ah tá visto que algo falha na educação! Você tem graves problemas de interpretação, meu caro! Eu não disse que a ministra é uma cruz! o que eu disse é que ela tem cara de quem sempre anda de cruz às costas ! Quanto ao restante conteúdo do seu comentário ... meu caro quem nos dera ter horário sequer , qto mais zero! Depois , se quer que lhe diga eu acho muito bem que haja avaliação desde que o objectivo seja realmente melhorar a qualidade do ensino e não apenas cortar despesa!!

Anónimo disse...

Anónimo, sou a Anónima ...se quiser dou-lhe explicações de português hahahahahahahahahah

Treta de Vida disse...

E esta gente com a mania que as gestões privadas melhoram a qualidade dos serviços, nota-se pelo desempenho dos hospitais, há-de se notar na PT quando Belmiro de Azevedo comprá-la, ficando com o monopólio das telecomunicações em Portugal, fazendo elevar os preços, notou-se na liberalização do preço dos combustíveis...
Por favor tenham juízo e acordem antes que seja tarde demais...

Sócio

Anónimo disse...

Acho que o Anónimo não quer acordar! Anónimo filho,pinte os lábios e faça-se à vida, ponha um vestido preto decotado para salientar o seu belo peito um collant brilhante com risquinha pra tornear ainda mais a pernoca calçe um salto bem alto agulha e ... vá!

A Anónima cá o espera lololol

Anónimo disse...

Serviço público, gestão privada, gestores nas escolas……
Ok, questão complicada sem dúvida! Ups, mas nada tem a ver com a “Tesão do Mijo”.
A “boa gestão” de qualquer organismo visa a maximização dos lucros e claro a minimização dos custos, partindo deste pressuposto torna-se bastante complicado prestar um bom serviço público, isto porque, vem logo ao de cima a nossa amiga “Eficiência” que está quase sempre de costas voltadas para a nossa amiga “Equidade”.
A eficiência não se compadece com a resolução de casos pontuais, e aí, e no caso em apreço, sobressai o papel importantíssimo do professor, é este que tem a missão de saber qual a causa pela qual o menino Joãozinho dá imensos erros quando faz um ditado, no entanto, escreve nas paredes da escola e no tampo da carteira os mais variados palavrões sem erros ortográficos, e tentar resolver o problema.
Esse mesmo Joãozinho, se tivermos em conta a eficiência, será posto de parte, no final do ano lectivo faz-se um relatório ele não transita, talvez no próximo ele tenha êxito.
“Quem vier que feche a porta!”, não há tempo a perder com ele, há objectivos a atingir com os outros 10 ou 15 alunos.
Agora queria referir-me à pessoa em questão, a professora da qual este(a) nosso(a) amigo(a) profere as mais infundamentadas críticas, é uma profissional de educação com todo o brio, nasceu com a missão de educar, luta por uma boa educação, “veste a camisola”, esforça-se, é assídua, tem método, preocupa-se com a equidade, tem em conta a utilização de novos métodos de ensino, tenta estar sempre na linha da frente, é um exemplo da eficiência de mãos dadas com a equidade.
É COM CERTEZA UMA PROFISSIONAL DE EDUCAÇÃO DE ELEIÇÃO.
Por isso não a critique sem a conhecer, conheça-a primeiro!!, não fundamente a sua ideia em brincadeiras ou em temas mais polémicos que ela aqui retrata e que, sabe-se lá porquê, você não resiste em comentar.
Bem este comentário saiu um pouco alongado, desculpem-me por isso.
Um beijo grande à sócia um abraço ao sócio
Rabo de Palha

Treta de Vida disse...

xiii ..corando até à raiz dos cabelos :-)))obrigada